Blog

5 dicas de como aplicar o branding no ambiente digital

Branding é o conjunto de características que formam a identidade de uma marca. Então, desde a escolha dos elementos e cores do logotipo, a linguagem utilizada, até o tipo de abordagem, por exemplo, compõem o branding. Tudo que cause uma sensação no público a respeito da sua marca.

O branding digital é a aplicação desse conceito na internet. Nesse caso, todos os itens que ele abrange precisam ser pensados para o cenário online. Atualmente, com o comportamento do consumidor e as mudanças na indústria e varejo, o branding é algo essencial para aumentar as conversões.

Se você ainda não sabe como aplicar o branding digital, para melhorar o desempenho do seu negócio, confira as dicas que selecionamos para você:

1. Faça uma pesquisa de mercado

Essa pesquisa trará como resultado as principais características do seu público-alvo e permitirá traçar a persona com mais objetividade.

Nessa pesquisa, é importante também conhecer como as outras marcas (referências e concorrentes) se posicionam nas redes sociais, sites e blogs.

É essencial conhecer o mercado, traçar o perfil do seu cliente e identificar as melhores estratégias para estabelecer o branding digital.

2. Analise o público online

Para as empresas, é fundamental estar nas redes sociais. Com o objetivo de montar uma estratégia eficiente e ter um bom alcance, é preciso monitorar o comportamento do seu público online.

É necessário analisar o seu comportamento. Descubra quais são as redes sociais favoritas, os melhores horários para publicação e os temas relevantes para atender seu público.

Não adianta ter um planejamento sobre como será sua marca, qual será a comunicação utilizada e outras características, se você não sabe como alcançar o seu cliente com toda essa informação.

É preciso pesquisar e entendê-lo, para que saiba como e para quem se comunicar. Ter uma delimitação objetiva e assertiva do público online é o primeiro e fundamental passo para que consiga estabelecer o branding digital.

3. Fortaleça sua imagem nas redes sociais

Nessa estratégia, além de um cronograma de postagens, é necessário ter um planejamento dos conteúdos a serem feitos, o tipo de abordagem, o layout das imagens e todos os aspectos que possam fortalecer a sua imagem perante o seu mercado.

Lembre-se de que mesmo que você esteja pegando carona em um meme popular, deve usar elementos do branding do seu negócio.

Além disso, promova ações para atrair os fãs da sua marca, aquelas pessoas que se identificam e a defendem. Promoções e sorteios, por exemplo, fazem muito sucesso.

Use e abuse dos modelos de postagem. Você pode explorar vídeos, textos, fotos, áudios etc., desde que estejam dentro dos padrões do seu conceito.

4. Mantenha a consistência das postagens

É importante lembrarmos que você não deve vender ou publicar somente o seu produto, mas toda a sua causa, princípios e valores.

Dois bons exemplos são a Nike e a Redbull. Suas postagens nem sempre evidenciam os produtos. A evidência é o estilo de vida que aquele produto pode proporcionar para quem o consome.

5. Posicione-se sempre

É necessário aliar conceitos sociais à sua ideologia. Isso é o posicionamento da marca.Um bom exemplo é a Avon, que abraçou o conceito de beleza universal, em que todas as mulheres são bonitas da sua forma. Assim, aproximou o seu produto do público-alvo, que compreende mulheres de vários padrões.

A sua marca precisa ter um posicionamento e o ideal é focar em um ou dois conceitos que vão ao encontro das expectativas do seu público.

Não caia na armadilha de levantar várias bandeiras. Você acabará posicionando-se superficialmente acerca de cada um dos temas e não conseguirá construir uma identidade.

Por fim, podemos garantir que o branding digital é algo essencial. Principalmente no contexto atual, em que os consumidores estão na internet e sua marca está cada vez mais exposta e acessível para todos.

Além da necessidade, podemos falar sobre os principais benefícios, como o fortalecimento da sua marca, o maior engajamento do público, mais credibilidade, vendas e valor agregado, por exemplo.

Gostou de conhecer o branding digital? Então, compartilhe este post nas suas redes sociais e divida o conteúdo com seus amigos!

Comente a matéria abaixo

Compartilhe esta notícia